quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Dia da gratidão


Nos Estados Unidos e no Canadá, anualmente, comemora-se o Dia de Ação de Graças.
Nos Estados Unidos é feriado nacional e se comemora na quinta-feira da quarta semana de novembro e, no Canadá, a comemoração se dá na segunda-feira da segunda semana de outubro.
Remonta a tradição norteamericana ao verão de 1621, quando os colonos, na Vila de Plymouth, Massachusetts, depois de más colheitas e inverno rigoroso, tiveram uma boa colheita de milho.
Os alimentos servidos foram patos, perus, peixes e milho. Dessa primeira comemoração participaram igualmente noventa índios.
Todos comeram ao ar livre em grandes mesas.
No Canadá, a tradição data de 1622, com interrupções e fixação posterior da data como evento nacional.
Dia de Ação de Graças é um dia de gratidão, geralmente a Deus, pelos bons acontecimentos ocorridos durante o ano.
Nesse dia, as pessoas agradecem com festas e orações.
É um dia em que as pessoas usam seu tempo livre para estar com a família, fazendo grandes reuniões e jantares familiares.
Também um dia dedicado a pensamentos religiosos e orações.
Desfiles e jogos de futebol foram sendo acrescentados, através dos anos, para a mesma data.
Contudo, o que se destaca é se ter um dia nacional de ação de graças que, no Brasil, o Presidente Gaspar Dutra instituiu em 17 de agosto de 1949, por sugestão de Joaquim Nabuco, entusiasmado com as comemorações que vira, em 1909, na catedral de São Patrício, quando embaixador em Washington.
*   *   *
Dia de Ação de Graças. Dia da gratidão.
Gratidão é um sentimento próprio das almas nobres. Somente essas conseguem se recordar das tantas bênçãos de todos os dias e se mostram agradecidas.
Talvez por isso, por ainda sermos pessoas tão esquecidas da gratidão, é que necessitemos eleger um dia especial para ela.
Trata-se de um exercício executado e novamente realizado, ao menos uma vez ao ano, a fim de adquirirmos o hábito de agradecer.
E há tanto a agradecer: o ar que respiramos, a brisa que refresca os dias, a chuva que dessedenta a terra ressequida e a tormenta que limpa a atmosfera.
Mesmo que condições adversas nos envolvam, em forma de enfermidades, desemprego, problemas financeiros, morte de pessoas amadas, há sempre o que agradecer.
A bênção de despertar na carne mais um dia, renovando as oportunidades de crescimento espiritual.
A bênção de amigos ou desconhecidos que nos estendem as mãos, quando as dificuldades se tornam maiores.
A ventura de observar, mesmo a distância, a solidariedade humana socorrendo uns aos outros.
A vida é um hino de louvor a Deus, um poema de beleza,  convite perene à gratidão.
E há tantas formas de expressarmos gratidão a Deus e à vida, pela honra de estarmos conscientes da nossa existência e presença no Universo:
Pela fidelidade aos compromissos assumidos, espalhando ondas de otimismo e de esperança;
pela prece ungida de amor, em favor dos enfermos, dos inquietos e dos adversários;
pela perseverança nas ações relevantes, quando outros desertaram.
Seja o amor a nossa gratidão que se expande e se oferece a tantos quantos se acerquem de nós.

Redação do Momento Espírita, com
pensamentos extraídos da mensagem 
Tua gratidão,
pelo Espírito Joanna de Ângelis, psicografia de
Divaldo Pereira Franco, em 31 de março de 2011.
Em 12.2.2014.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

A apresentação está falhando?

Entre no "www.gmail.com" e feche o usuário aberto.

Divulgue este blog (cartão virtual)

Divulgue este blog (cartão virtual)
Clique com o botão direito do mouse, copie a imagem, cole em uma nova mensagem e envie para seus colegas! caso falhe, procure salvar a imagem e depois enviar como anexo.