segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Chegou a primavera


Você já deve ter ido, certamente, a muitas festas de casamento, formaturas, eventos sociais, onde os arranjos florais estão sempre presentes.
Aliás, são sempre muitas flores, muitos enfeites, cada vez mais criativos e bem elaborados.
Mas você já parou para pensar para onde vão todos aqueles ornamentos no dia seguinte? Pois é... Na maioria, vão para o lixo! Flores ainda belas, vigorosas, no auge de seu brilho são desperdiçadas todos os dias.
Felizmente algumas pessoas se sentiram incomodadas com isso e resolveram tomar uma atitude positiva.
Profissionais que trabalham na área de cenografia e decoração de eventos e campanhas publicitárias, criaram o projeto flor gentil.
Trata-se de uma ONG que reaproveita flores da decoração de casamentos e outras festas, transformando-as em novos arranjos que são entregues a idosos em casas de repouso.
A iniciativa conta com diversos voluntários que participam, desde o recolhimento dos arranjos usados nas festas, passando por uma pequena seleção das flores, até a elaboração dos singelos novos buquês que ganharão outro lar em breve.
Já são diversos os lares de idosos que recebem, periodicamente, a visita das flores. Ver a reação daqueles corações ao receberem o singelo mimo é emocionante.
Como pode um simples buquê levar tanta alegria, tanta cor àquelas vidas!
A expressão de surpresa e júbilo de uma dessas senhoras resume bem a emoção. Chegou a primavera!! – Disse radiante.
Outro fator interessante é que nenhum buquê é igual ao outro e todos são lindíssimos e muito bem elaborados. Cada idoso recebe o seu, único, especial.
Os voluntários do projeto contam como é gratificante a tarefa que fazem, e como ela afeta, poderosamente, quem oferece as flores e não apenas quem as recebe.
São flores que abrem portas, criam laços e fortalecem quem tem cada vez menos condições de lidar sozinho com seus problemas.
São flores que levam cores para a vida já tão preto e branco daqueles corações.
A idealizadora do projeto confessa que, quando vai embora, após cada visita, costuma dar uma última olhadela para trás e ver como a paisagem se transformou.
Os sorrisos que deixou e as flores que agora colorem aquele ambiente. Nada fica como antes...
São as flores da gentileza... É a primavera nascendo a qualquer momento do ano.
*   *   *
Você já levou a primavera para a vida de alguém?
Flores inesperadas, uma visita de surpresa, uma carta, um e-mail gentil.
São tantas as formas de transformar, de alegrar o dia das outras pessoas!
Encontre a sua. Encontre o seu caminho das flores, das cores, dos gestos que demonstram que você se importa, se interessa...
Encontre o outro. Encontre a vida além da sua vida. Participe da vida do outro. Um estranho, quem sabe...
Quem é capaz de dizer quando um estranho se transformará num grande amor?
Aliás, todo grande amor foi um dia um estranho... Até que enfim, chegou a primavera.

Redação do Momento Espírita.
Em 19.10.2013




Nenhum comentário:

Postar um comentário

A apresentação está falhando?

Entre no "www.gmail.com" e feche o usuário aberto.

Divulgue este blog (cartão virtual)

Divulgue este blog (cartão virtual)
Clique com o botão direito do mouse, copie a imagem, cole em uma nova mensagem e envie para seus colegas! caso falhe, procure salvar a imagem e depois enviar como anexo.